Cineteka.com - Videoclube de culto para cinéfilos exigentes
Videoclube Adesão Ajuda Preçário Contactos Parcerias Login

Brevemente... Novidades Promoção TOP + Reposições Premiados Ao Acaso Acção Animação Aventura Biografia Clássico Comédia Crime/Policial Desporto Documentário Drama Família Fantasia Ficção C. Film Noir Guerra História Musical Religião Romance Séries/TV Terror Thriller Viagens Western Erótico
Deus Branco (Fehér isten / White God)
TrailerAlugar
3 Prémios e 7 Nomeações
Realização:
Kornél Mundruczó
Ano: 2014
Género:
Drama
Idade: M/14
Duração: 121 min
IMDB: 7.0 (5.217 votos)
Um conto premonitório sobre as relações entre uma espécie superior e o seu inferior caído em desgraça. Banido e traído, “o melhor amigo do homem” revolta-se contra o seu antigo mestre.

Para inverter a miscigenação entre raças caninas, é criado um imposto para quem possua um cão que não esteja registado como puro-sangue. Por essa razão, muitos donos abandonam os seus animais, levando à sobrelotação dos canis e ao consequente abate de milhares de animais. Lili, de 13 anos, faz o que pode para que Hagen, o seu adorado rafeiro, seja poupado a essa sorte. Quando o pai o deixa no meio da rua, Lili entra em desespero, passando dias e noites à sua procura. Lutando para sobreviver, Hagen junta-se a um grupo de cães desamparados que, tal como ele, sentem a raiva a aumentar a cada dia. Até que, após uma fuga ao canil, milhares de vadios se agrupam, decididos a dar início a uma rebelião contra os que os abandonaram. O seu desejo de justiça é desmedido e parece que nada poderá atenuar a sua sede de vingança. A não ser, talvez, Lili, a jovem que nunca desistiu do seu melhor amigo…

Um filme dramático, realizado pelo húngaro Kornél Mundruczó ("Tender Son: The Frankenstein Project"), que reflecte sobre a desigualdade e as injustiças entre raças. Em Cannes, "Deus Branco" recebeu o prémio Un Certain Regard e os cães que participaram na obra foram galardoados com o Palm Dog Award (melhor actuação canina num filme).

Notas da Crítica:

Um filme em constante movimento (...) Quem o vê não se esquece dele tão cedo — e isso é qualquer coisa. - Público

Para além da complexidade prática da sua fabricação, este é também um filme que nos devolve o poder fantasista do cinema. - Diário de Notícias

Uma melancolia familiar, um thriller, um quase-terror com cenas de acção pelo meio (...) Uma parábola ambiciosa, não só pelos animais mas também pela exigência visual necessária para fazer cair uma cidade sob as quatro patas x 300 de todos aqueles revoltosos com pêlo. - Jornal i

Kornél Mundruczó subiu de nível na sua última estreia em Cannes. (…) DEUS BRANCO é uma ambígua sátira das relações de poder no geral: as classes mais baixas acabarão por se erguer. O filme tem um tom e uma garra que me pareciam faltar nos filmes anteriores de Mundruczó.- The Guardian

Alguns momentos incríveis de cinema – com menção especial para os treinadores dos cães! - Le Monde

O comportamento imprevisível dos seus atores de quatro patas obrigou este herdeiro dos grandes estetas húngaros a dinamizar a sua realização: o seu cinema, de um formalismo por vezes pesado, ganhou assim um novo fôlego. - Télérama
Detalhes Técnicos
Duração: 121 min. Vídeo: 16:9 LB Cor
Áudio: Húngaro Dolby Digital 5.1
Legendas: Português,
Comentários dos utilizadores: Escreva um comentário sobre este título
Ainda não existem comentários sobre este título. Seja o primeiro e partilhe a sua opinião com os outros utilizadores.
Se gostou deste título, também recomendamos:
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer

Últimos comentáriosPróximos Lançamentos
14/Mar
Trailer
21/Fev
Trailer