Cineteka.com - Videoclube de culto para cinéfilos exigentes
Videoclube Adesão Ajuda Preçário Contactos Parcerias Login

Premiados TOP + Reposições Ao Acaso Acção Animação Aventura Biografia Clássico Comédia Crime/Policial Desporto Documentário Drama Família Fantasia Ficção C. Film Noir Guerra História Musical Religião Romance Séries/TV Terror Thriller Viagens Western Erótico
Como Gerir o Amor (Management)
TrailerAlugar
Realização:
Stephen Belber
Argumento:
Stephen Belber
Ano: 2008
País:
EUA
Idade: M/12
Duração: 94 min
IMDB: 6.1 (6.687 votos)
Quando Sue (Jennifer Aniston) fica hospedada no motel à beira da estrada gerido pelos pais de Mike (Steve Zahn), o que começa com uma garrafa de vinho "com os cumprimentos da gerência" depressa se torna numa viagem pelo país por duas pessoas que procuram um sentido para as suas vidas.
Detalhes Técnicos
Duração: 94 min. Vídeo: Widescreen 1.85:1 anamórfico
Áudio: Dolby Digital 5.1 Inglês
Legendas: Português,
Comentários dos utilizadores: Escreva um comentário sobre este título
Suave comédia (Pontuação: 4)
Com um inicio um pouco parado em termos de dialogos que combinam com humor quase mimico. Mas ao longo do filme vai subindo esse ritmo/pulsação normal nos filmes de comédia mas surpreendentemente estando anielado com o romance/amor ao estilo psicadélico da loucura fugaz de duas almas gemeas onde inesperadamente seus caminhos se cruzam e envolvem-se e, que mais tarde o nosso amigo "tempo" fnalmente nos presenteia nosso destino.
Recomedo a quem gosta de comedias com romance e dos actores em questão e passar um bom serão no sofá, posso dizer que a minhaa mulher adorou!
Por Paulo Ferraz De Carvalho (SãO JOãO DA TALHA)2013-01-12
A melhor comédia romântica que já vi! (Pontuação: 10)
Não há nada de grandioso neste filme, excepto a capacidade de nos envolver de uma forma inesperada...
Apesar de nos divertir é ao mesmo tempo muito real e terno.
Atenção àqueles que pensam deixar de ver este filme só porque aparece a medíocre actriz Jennifer Aniston, ela aqui surpreende!

O que leva duas pessoas unirem-se? O que é preciso para dois opostos poderem encaixar?
Neste interessante filme, repleto de detalhes emocionais, percebe-se que é pelo facto de as pessoas se complementarem, de um poder oferecer o que falta ao outro.
É um filme para apreciar os detalhes: dos diálogos, das emoções, da banda sonora (muito bem escolhida e com letras sem a condizer)...
Management apresenta uma relação amorosa sob o prisma de um rapaz idealista (Mike), ainda debaixo da saia dos pais, e uma "executiva" pragmática (Sue) cujo destino a fez passar no motel dos pais de Mike. Mike and Sue procuram significado para as suas vidas, mas enquanto Mike persegue apenas o que deseja, ou seja Sue, Sue teme envolver-se com alguém sem qualquer expectativas de futuro. Vemos um Mike com a esperança de abandonar o conformo do negócio dos pais para ir à procura do amor da sua vida. Não tem dinheiro, não tem planos para o futuro, apenas quer estar com ela... "e o resto que se dane!"
Apesar de este ser indiscutivelmente o melhor desempenho de Jennifer Aniston (afinal ela consegue representar), Steve Zahn está genial. Ele interpreta um Mike pouco consciente de si próprio e da vida de uma forma que é impossível não sentir empatia.
Espero que com o que ficou dito se perceba que este filme é muito mais que uma comédia romântica. Transborda de originalidade, humor e ternura.
Por Bento Pereira (PONTINHA)2011-04-27
Se gostou deste título, também recomendamos:
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer

Últimos comentáriosPróximos Lançamentos