Cineteka.com - Videoclube de culto para cinéfilos exigentes
Videoclube Adesão Ajuda Preçário Contactos Parcerias Login

Brevemente... Novidades Promoção TOP + Reposições Premiados Ao Acaso Acção Animação Aventura Biografia Clássico Comédia Crime/Policial Desporto Documentário Drama Família Fantasia Ficção C. Film Noir Guerra História Musical Religião Romance Séries/TV Terror Thriller Viagens Western Erótico
Por Favor Rebobine (Be Kind Rewind)
TrailerAlugar
2 Nomeações
Realização:
Michel Gondry
Argumento:
Michel Gondry
Ano: 2008
País:
EUA
Idade: M/12
Duração: 89 min
IMDB: 6.7 (40.235 votos)
Ao tentar sabotar a central eléctrica que acredita ser responsável pelas enormes enxaquecas que tem, Jerry(Jack Black) acaba por ficar magnetizado apagando inadvertidamente todos os filmes do pequeno clube de vídeo do seu melhor amigo, Mike (Mos Def).
Agora, Mikepoderá perder o emprego e a única forma que os dois amigos se lembram para o salvar é impedindo a única cliente fiel que têm –uma velhinha com uma fraca noção da realidade –de perceber o que aconteceu. Como é que eles fazem isto? Recreando e refilmando cada filme que ela decide alugar, claro!
De "Os Caça-Fantasmas" ao "Robocop", de "Hora de Ponta" ao "O Rei Leão", estes dois amigos tornam-se nas maiores estrelas do bairro ao serem os protagonistas dos maiores filmes do mundo.
Detalhes Técnicos
Duração: 89 min. Vídeo: Widescreen 16:9 anamórfico
Áudio: Dolby Digital 5.1 Inglês
Legendas: Português,
Comentários dos utilizadores: Escreva um comentário sobre este título
Pouco a dizer (Pontuação: 5)
O Willis fez um optimo resumo do filme, quem quiser saber a base do filme basta ler o que ele escreveu...

Quanto ao filme, um muito bom argumento. de resto pouco há a dizer...

Jack black ja não dislumbra como outrora e Mos Def nada de novo traz ao filme....

O filme conta com algumas cenas comicas de qualidade mas porem muito escassas...

Filme a ver mesmo se não houver mais nada para ver....
Por Fábio Pinto (S. PEDRO DO SUL)2010-07-16
Gondry é um génio: Be Kind Rewind! (Pontuação: 9)
Aluguei o "Por Favor Rebobine" ontem à noite e ainda estou com ele na cabeça, a reviver com grande prazer as cenas e as múltiplas mensagens deste filme.

Para já, a história é no mínimo intrigante e divertida: Temos 2 amigos, Mike (Mos Def) e Jerry (Jack Black). Mike trabalha num clube de vídeo chamado "Be Kind Rewind" onde ainda alugam fitas em VHS e Jerry é um perfeito idiota, que inadvertidamente desmagnetiza todos os filmes, depois duma tentativa gorada de sabotar uma central eléctrica que ele acredita ser a origem de vários problemas da sociedade. Isto acontece enquanto o dono da loja (Danny Glover) se ausenta.
Para continuarem a satisfazer os poucos clientes que têm e salvar a loja, decidem refazer os filmes à medida que os clientes os solicitam, protagonizando-os recorrendo a grandes doses de imaginação para imitar os efeitos especiais dos originais.

Este filme aborda a questão da vida dos bairros, os problemas e a necessidade da evolução, evoca a nostalgia dos tempos em que tudo parece ultrapassado, homenageia o cinema e mostra-nos que se calhar estamos a viver depressa demais e que nem sempre as novas tecnologias se preocupam em prestar um serviço melhor. O factor humano é o grande vencedor deste filme.

E só um génio como Michel Gondry para nos contar através de imagens em movimento uma história tão fantástica como esta. Ainda estou a sorrir... ADOREI!

PS: para quem ainda não viu, recomendo "Despertar da Mente" (Eternal Sunshine of the Spotless Mind), um dos meus filmes favoritos e a obra-prima deste realizador.
Por Angkor (LISBOA)2010-07-14
Por Favor Rebobine (Pontuação: 5)
Ao tentar sabotar a rede elétrica, Jerry acaba ficando magnetizado. Ele acidentalmente apaga as fitas de vídeo da locadora onde trabalha Mike. Para recuperar o acervo, os dois resolvem fazer remakes de filmes clássicos. Tudo isto para salvas a locadora de um processo de demolição pela Prefeitura municipal, mas por ser pressupostamente a antiga morada do “Gordo”, um falecido cantor de blues dos anos 30, toda população se reúne para salvar o imóvel, locando as fitas VHS. Os envolvidos nessa enxurrada de cinema a “La Carte”, onde os usuários solicitam um filme, e eles realizam com seus parcos recursos os filmes, a comunidade faz fila para alugá-los. Logo os problemas aparecem com os agentes de direitos autoriais que vão acabar com os negócios de cine a “La Carte”. Tanto os realizadores quando os apreciadores sentirão uma imediata afinidade pelos heróis do enredo. A identificação, aliada a engraçadas releituras de clássicos do cinema, garante a diversão e uma boa quota de risadas. Nota 5,0
Por Willis de Faria (CINEFILOMANIACOS) (VITORIA -ES)2010-04-07
Se gostou deste título, também recomendamos:
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer

Últimos comentáriosPróximos Lançamentos
21/Nov
Trailer
21/Nov
Trailer