Cineteka.com - Videoclube de culto para cinéfilos exigentes
Videoclube Adesão Ajuda Preçário Contactos Parcerias Login

Brevemente... Novidades Promoção TOP + Reposições Premiados Ao Acaso Acção Animação Aventura Biografia Clássico Comédia Crime/Policial Desporto Documentário Drama Família Fantasia Ficção C. Film Noir Guerra História Musical Religião Romance Séries/TV Terror Thriller Viagens Western Erótico
Wackness - à Deriva (The Wackness)
TrailerAlugar
1 Prémio e 3 Nomeações
Realização:
Jonathan Levine
Argumento:
Jonathan Levine
Ano: 2008
País:
EUA
Idade: M/12
Duração: 98 min
IMDB: 7.2 (9.907 votos)
Verão de 1994. As ruas de Nova Iorque vibram ao ritmo do hip-hop e emanam o doce aroma de marijuana.
O recém-eleito presidente da câmara, Rudolph Giuliani, está a começar a implementar as suas iniciativas enfadonhas, para combater crimes como os ruidosos rádios portáteis, a arte urbana dos graffiti e a embriaguez em público.
Esta história centra-se num perturbado adolescente traficante de marijuana, Luke Shapiro (Josh Peck), que desenvolve uma amizade com o seu deprimido psiquiatra, Dr. Jeffrey Squires (Ben Kingsley).
Quando, neste ambiente agitado, o psiquiatra propõe ao jovem pagar as sessões de terapia com erva, os dois começam a explorar não só a cidade de Nova Iorque, como a depressão de ambos.
Vencedor do Prémio do Público de Sundance 2008, The Wackness captura a magia de 1994 – uma época de bips e sem telemóveis. Uma era em que Biggie e Tupac ainda estavam vivos, mas Kurt Cobain tinha acabado de morrer.
Divertido e comovente, este é um conto inigualável sobre duas almas perdidas, aos tropeções direito à maturidade.
Detalhes Técnicos
Duração: 98 min. Vídeo: Widescreen 2.35:1 anamórfico
Áudio: Dolby Digital 5.1 Inglês
Legendas: Português,
Comentários dos utilizadores: Escreva um comentário sobre este título
Delicioso (Pontuação: 10)
Como vidas que nada têm em comum se podem interajudar, fazer crescer o outro e ensinar. Simplesmente brilhante
Por Sofia Nunes (LISBOA)2009-11-11
Excelente Indie Americano (Pontuação: 8)
Foi um grande prazer ver este filme, por diversas razões. Um filme que retracta a vida dum adolescente e da sua primeira relação amorosa e ao mesmo tempo os comportamentos dos adultos, apelando a uma faixa alargada do público. Depois temos o cenário: verão em Nova Iorque, ano de 1994 - uma cidade a meio gás, com muita gente fora e aquela sensação de época de férias. Depois temos a música / banda sonora: o excelente Hip-Hop dos anos 90 (De La Soul, A Tribe Called Quest, Notorious BIG, etc.). Depois temos a excelente interpretação dos dois personagens principais: o jovem Josh Peck e o consagrado Ben Kingsley, num papel muito diferente do que nos tem habituado, mas desempenhado com grande mestria.
O único senão é o abuso de drogas durante o filme (o nosso jovem personagem passa o verão a vender marijuana para ganhar dinheiro). Quase que parece natural e acaba por ser um incentivo ao seu consumo, embora compreenda que se esteja a retractar uma época e um lugar.
Por último, a história da primeira paixão com uma rapariga mais experiente e também da primeira desilusão amorosa.
Enfim, estamos perante mais um filme independente de grande qualidade, que passou praticamente despercebido, mas que recomendo a quem procura algo diferente e refrescante num bom momento de cinema em casa.

Este filme fez-me lembrar um outro que também adorei e aluguei na Cineteka: "O Verão de Victor Vargas".
Por Angkor (LISBOA)2009-07-28
Se gostou deste título, também recomendamos:
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer

Últimos comentáriosPróximos Lançamentos
15/Jul
Trailer