Cineteka.com - Videoclube de culto para cinéfilos exigentes
Videoclube Adesão Ajuda Preçário Contactos Parcerias Login

Premiados TOP + Reposições Ao Acaso Acção Animação Aventura Biografia Clássico Comédia Crime/Policial Desporto Documentário Drama Família Fantasia Ficção C. Film Noir Guerra História Musical Religião Romance Séries/TV Terror Thriller Viagens Western Erótico
Saraband (Saraband)
Alugar
2 Prémios e 1 Nomeação
Realização:
Ingmar Bergman
Argumento:
Ingmar Bergman
Ano: 2003
Género:
Drama
Idade: M/12Q
Duração: 107 min
IMDB: 7.8 (2.218 votos)
A câmara de Bergman pode mais que qualquer outra. Dá-nos a ver almas. Impossível? Não para esse génio de todos os possíveis. -João Bénard da Costa, "A Casa Encantada"/Público.

Um dos grandes filmes do nosso tempo. -Eduardo Prado Coelho, "O Fio do Horizonte"/Público.

Depois de "Cenas da Vida Conjugal", Ingmar Bergman volta a reencontrar as personagens que Liv Ullman e Erland Josephson então personificaram (a que se juntam também Borje Ahlstedt e Julia Dufvenius), num filme que descreve como “um concerto para uma orquestra sinfónica, com quatro solistas”. Trinta anos passaram desde que Marianne e Johan se separaram. Mas quando Marianne sente que ele precisa dela, decide visitá-lo na velha casa de campo onde vive. Apesar de todos estes anos sem se verem, a cumplicidade entre os dois não esmoreceu. Marianne conhece o filho de Johan, Henrik, e a filha deste, Karin. E muito rapidamente compreende que Henrik tem um amor possessivo pela filha e que Johan só sente ódio e desprezo pelo filho. Poderá a presença de Marianne trazer um pouco de serenidade a esta família atormentada?
Detalhes Técnicos
Duração: 107 min. Vídeo: Widescreen 1.78:1 anamórfico
Áudio: Sueco Dolby Digital 5.1
Legendas: Português
Extras: DISCO 1
. Capítulos
. Trailer

DISCO 2
. 2 Documentários: «Nos bastidores de SARABAND» (44’) e «Ingmar Bergman despede-se do cinema» (56’)
. DVD-ROM (artigos e dossier de imprensa, fotos, filmografia)
Comentários dos utilizadores: Escreva um comentário sobre este título
Ingmar Bergman... (Pontuação: 10)
A densidade de ideias neste filme é simplesmente impressionante, nem dá para respirar, coisa que normalmente só encontramos nos livros e não é que o filme é exactamente organizado dessa forma. Sem duvida este é um filme altamente intelectual, ou não fosse de Bergman, e para um público muito restrito. Para quem gosta de cinema de qualidade, "Bergman" é claramente um nome a anotar, já vi outros como "Persona" ou "Morangos Silvestres" e é cinema de outro mundo.
Por Sammy (TAROUCA)2011-04-05
Se gostou deste título, também recomendamos:
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer
Trailer

Últimos comentáriosPróximos Lançamentos